Novas restrições. Saiba tudo o que muda a partir do dia de Natal

Omicron varianteAumento de casos provocado pela variante Ómicron justifica a adoção de novas restrições.

O Primeiro-Ministro, António Costa, anunciou na terça-feira, dia 21 de Dezembro de 2021, novas restrições para conter o crescimento da pandemia. Em causa está a variante Ómicron que tem tido um papel fulcral no agravamento da situação pandémica em Portugal.

Depois de ter ouvido os líderes partidários e de ter estado reunido em Conselho de MInistros, António Costa começou por anunciar o que foi decidido: desde a antecipação do teletrabalho obrigatório ao encerramento de creches, discotecas e bares.

O Governo decidiu alargar de 4 para 6 testes rápidos gratuitos por pessoa, uma medida que entrará já em vigor.

No que diz respeito ao período de contenção, passa de 02 Janeiro, como estava previsto, para começar já no dia de Natal {00h00 do dia 25 de Dezembro} terminando a 09 de Janeiro de 2022.

Durante este período, o teletrabalho é obrigatório, as creches e os ATL, bem como os bares e as discotecas estarão encerrados.

Passa a ser obrigatório a apresentação de um teste negativo {PCR ou antigénio}) para aceder a estabelecimentos turísticos e alojamento local, eventos empresariais, casamentos e batizados, espetáculos culturais e recintos desportivos.

No que diz respeito ao comércio, passa a ser obrigatória a redução de lotação nos estabelecimentos comerciais para 1 pessoa por 5 metros quadrados.

Natal {24 e 25 Dez} e Ano Novo (30, 31 Dez e 01 Jan.22)

Durante esta quadra festiva, o Governo decidiu adotar medidas que incluem:

- Teste negativo obrigatório para acesso a restaurantes, casinos e festas de passagem de ano.

- Proibição de ajuntamentos na via pública de mais de 10 pessoas na passagem de ano;

- Proibição de consumo de bebidas alcoólicas na via pública.

AddThis Social Bookmark Button