Semana dos Seminários Diocesanos

Seminarios 2022O bispo de Viana do Castelo dirigiu uma mensagem às comunidades católicas, convidando à valorização do Seminário como “coração da diocese”.

As vocações sacerdotais são, sem dúvida, um dos maiores desafios com que nos deparamos na diocese a exigir um compromisso consciente de todos os cristãos. Que na oração, na reflexão cristã, no compromisso e no exercício da missão evangelizadora ofereçamos as condições para o despertar vocacional das crianças, dos adolescentes e dos jovens”, escreve D. João Lavrador, numa nota pastoral enviada à Agência ECCLESIA.

O texto assinala a celebração do Dia da Igreja Diocesana (3 de novembro) e da Semana dos Seminários (30 de outubro a 6 de novembro).

Devemos esforçar-nos mais por criar o ambiente necessário para que os jovens, no encontro pessoal com Jesus Cristo, possam descobrir a sua vocação”, indica o bispo de Viana do Castelo.

Exorto as famílias, as paróquias, sobretudo nas catequeses, os grupos de jovens, os movimentos e outros grupos eclesiais a dedicarem, ao longo da semana dos seminários, tempo de reflexão e de oração pelo Seminário diocesano e de despertar vocacional”.

A Diocese do Alto Minho tem cinco seminaristas no curso de Teologia e sete jovens, no Ensino Secundário, que estão a fazer o seu discernimento vocacional no Seminário Menor, em Viana do Castelo; há ainda uma dezena de adolescentes e jovens que são acompanhados vocacionalmente, em pré-seminário.

D. João Lavrador alerta para o impacto da “profunda crise económica” na sustentação do Seminário e dos organismos diocesanos, que dependem de donativos.

Apesar das dificuldades por que muitos passam nestes tempos, venho apelar à partilha generosa para podermos oferecer as condições mínimas para a sua subsistência”, refere.

O bispo de Viana do Castelo pede que esse gesto de partilha se “revele como sinal de toda a diocese”, anunciando que o contributo de cada comunidade paroquial vai ser entregue no ofertório da celebração da Eucaristia de 6 de novembro, na Catedral, na qual vai ordenar três diáconos.

A nota recorda a próxima edição internacional da Jornada Mundial da Juventude, em Lisboa, como “uma oportunidade única para que os jovens assumam o seu protagonismo”, e o processo sinodal convocado pelo Papa Francisco para promover “comunidades cristãs verdadeiramente sinodais, na comunhão, na participação ativa de todos os batizados e na corresponsabilidade na missão evangelizadora da Igreja”.

Viana do Castelo, 18 out 2022 (Ecclesia)

AddThis Social Bookmark Button