Zeladoras da Igreja Paroquial

As Zeladoras são responsáveis pela decoração floral dos altares da Igreja Paroquial de Santa Maria de Carreço.
“É necessário que, em tudo quanto tenha a ver com a Eucaristia, haja gosto pela beleza. Dever-se-á ter respeito e cuidado também pelos paramentos, as alfaias, os vasos sagrados, para que, interligados de forma orgânica e ordenada, alimentem o enlevo pelo mistério de Deus, manifestem a unidade da fé e reforcem a devoção”
 
(Bento XVI, Sacramentum Caritatis, 41).

Com o seu serviço humilde e simples as zeladoras dão um contributo, para que:
na Liturgia, brilhe a beleza do mistério pascal, pelo qual o próprio Cristo nos atrai a Si e chama à comunhão.
Em Jesus, contemplamos a beleza e o esplendor das origens. Referimo-nos aqui a este atributo da beleza, vista não enquanto mero esteticismo, mas como modalidade com que a verdade do amor de Deus em Cristo nos alcança, fascina e arrebata, fazendo-nos sair de nós mesmos e atraindo-nos assim para a nossa verdadeira vocação: o amor. A beleza da liturgia pertence a este mistério;
É expressão excelsa da glória de Deus e, de certa forma, constitui o céu que desce à terra.
A beleza não é um factor decorativo da acção litúrgica, mas seu elemento constitutivo, enquanto atributo do próprio Deus e da sua revelação.
Tudo isto nos há-de tornar conscientes da atenção que se deve prestar à acção litúrgica para que brilhe segundo a sua própria natureza

 (Bento XVI, Sacramentum Caritatis, 35).

AddThis Social Bookmark Button